Header Ads

Vendas do Brasil para a Europa mostram que revelar jogadores dá mais certo do que contratar veteranos

Pedrinho Corinthians x Santo André — Foto: Marcos Ribolli
O anúncio de que o Corinthians terá de adiar novamente a inauguração de seu Centro de Treinamento para 2019 e a certeza de que a situação financeira só melhorará com a entrada dos R$ 110 milhões da venda de Pedrinho reforçam a certeza de que o time mais popular de São Paulo precisa voltar a usar os jogadores que revela. Mesmo sem a conclusão do centro de treinamento, os últimos anos mostraram Arana, Maycon, Malcom e Pedrinho, pratas-da-casa campeões e negociados depois.

Das vinte maiores vendas do futebol brasileiro, no entanto, só a vigésima da lista é corintiana: Pedrinho. Dos vinte mais caros, 16 foram pratas-da-casa, o que indica que, de Neymar a Pedrinho, vale muito mais investir na formação e sedimentação dos jovens jogadores do que contratar veteranos.

O Flamengo parece uma exceção, por vender seus garotos e comprar Rafinha e Filipe Luís. Mas com Gabriel, Bruno Henrique e De Arrascaeta, foge da regra do futebol brasileiro onde parece haver apenas aspirantes ou masters.

Neymar é o mais caro de todos os tempos, considerando os 57 milhões de euros pagos oficialmente pelo Barcelona. Vinicius Júnior é o segundo, com 45 milhões de euros gastos pelo Real Madrid. Abaixo, a lista dos 20 mais caros, 14 pratas-da-casa:


1. Neymar - Santos - Barcelona - 57 milhões de euros (2013)

2. Vinicius Junior - Flamengo - Real Madrid - 45 milhões (2017)

3. Rodrygo - Santos - Real Madrid - 45 milhões (2018)

4. Lucas Moura - São Paulo - Paris Saint-Germain - 43 milhões (2012)

5. Arthur - Grêmio - Barcelona - 40 milhões (2018)

6. Lucas Paquetá - Flamengo - Milan - 35 milhões (2018)

7. Gabriel Jesus - Palmeiras - Manchester City - 32,7 milhões (2016)

8. Oscar - Internacional - Chelsea 31,9 milhões (2012) - * Revelado pelo São Paulo

9. Denílson - São Paulo - Betis - 31,5 milhões (1997)

10. Reinier - Flamengo - Real Madrid - 30 milhões (2019)

11. Bernard - Atlético Mineiro - Shakhtar - 25 milhões (2013)

12. Gabriel - Santos - Internazionale - 25 milhões (2016)

13. Robinho - Santos - Real Madrid - 24 milhões (2005)

14. Pato - Internacional - Milan - 22 milhões (2007)

15. Lucas - Athletico Paranaense - Rennes - 21,3 milhões (2001) * Revelado pelo Botafogo-SP

16. Paulinho - Corinthians - Tottenham - 20 milhões (2013) * Revelado pelo Audax

17. Paulinho - Vasco - Bayer Leverkusen - 20 milhões (2018)

18. Renan Lodi - Athetico Paranaense - Atlético de Madrid - 20 milhões (2019)

19. Bruno Guimarães - Athletico Paranaense - Lyon - 20 milhões (2019) * Revelado pelo Audax

20. Pedrinho - Corinthians - Benfica - 20 milhões (2020)


Fonte: Globo Esporte
Tecnologia do Blogger.